K-POP: Infinite - Second Invasion in Japan


Como descrever a perfeição apenas com palavras? Realmente só tenho uma coisa a dizer: O mundo precisa assistir isso. Cada musica, cada "intervalo", cada coreografia, cada sorriso desses 7 meninos, tudo isso vale muito a pena para você tirar 2 horas do seu dia para assistir isso. Meus sentimentos estão confusos depois disso, não dá para descrever NADA do que eu senti assistindo esse show. É apenas perfeito. Perfeito é a palavra que mais chega perto do que poderia definir isso. Sim, chegar perto. Talvez eu nunca descobra qual a palavra perfeita para falar sobre isso.Agradeço de coração a minha unnie Rafaela por me apresentar esse "novo mundo" chamado Infinite para mim. 



Como resistir a isso? Ai ai ai esses meninos. A unica coisa que achei "errada" nesse duo foi o Jong não ser a HyunA, qual a lógica da vida? Apenas não quero mais viver nesse mundo.


Ah meu bias, como você me mata. Lágrimas definem esse solo. Seu perfeito. ~Me segurando para não dar ataque aqui~ Time é simplesmente um dos solos mais perfeitos que já ouvi, e a voz de Woohyun também é uma das vozes mais bonitas que já ouvi, assim como Namu também uma das pessoas mais lindas que já vi. Meu Woolla Woolla lindo ♥


E o líder mais fofo com o solo mais perfeito~ Me fazendo surtar e ver a minha morte por tara-lo loucamente quando sei que ele é o segundo ultimate da minha amiga. Perdão unnie ç_ç.

Agora meu Jong, minha criança fofa dona de um dos sorrisos mais lindos que já vi na minha vida. Oh SungJung seu babo pare de mexer comigo >__<. Essa criança faz uma explosão de aegyo ~e de Karol~ o show inteiro. COMO REAGIR?
~x~
Se você quiser surtar, morrer, ter overdose de aegyo ou de perfeição, chorar, gritar, se espernear, quebrar celular ou jogar tapetes para o ar assista isso. Não recomendado para pessoas com problemas cardíacos. Para manter-se vivo evite tarar Woohyun, SungJong e SungGyu. Altamente recomendado cintos de segurança (afinal, para mim é normal cair tendo ataques de fangirl). 

Veja também

0 comentários