Melhores MVs de 2015! (Edição Feminina)


Olá pessoal! Falta pouco para zerar 2015, mas enquanto isso não acontece, separei para vocês os MVs femininos que mais gostei deste ano! As garotas realmente arrasaram no K-POP esse ano, me dá até uma dor no coração ter que deixar vários grupos de fora dessa postagem, mas é um sacrifício que se faz para não ficar tão grande assim.


Começando com G-Friend porque foi meu debut preferido deste ano (que tal conferir meu post sobre o debut delas, uh? Clica aqui!). As meninas chegaram logo no comecinho de janeiro e já marcaram seu lugar no K-POP como as candidatas às "Futuras Girls' Generation". Glass Bead foi a primeira canção das meninas, mas seu comeback com "Me Gustas Tu" conseguiu me conquistar ainda mais! A música seguiu o mesmo estilo do debut, mas elas estavam ainda mais fofas, com uma coreografia ainda mais foda e com umas palavrinhas em espanhol na letra, tem como não amar?


Outro grupo que mandou ver em seu debut foi o Twice! As novatas da JYP estão dominando tudo por onde passa, até mesmo levaram o prêmio de melhor artista feminino rookie do ano! Poderosas, hein? E olha que acabaram de completar dois meses de debut! Aliás, fiz uma postagem sobre o sucesso instantâneo dessas garotas recentemente, que tal dar aquela olhadinha básica também? Clica!


No ano anterior, EXID disse adeus ao flop com seu comeback icônico de "Up&Down" e bendita fancam ousada da integrante Hani. Graças a Deus e a gravadora dela, as meninas conseguiram gravar uma música ainda melhor esse ano. Ah Yeah me conquistou desde a primeira vez que ouvi, mas escutei tanto que até cheguei a enjoar um pouco. Se quiserem ver um pouco mais do que achei dessa perfeição, segue esse link aqui.


T-ARA também realizou seu comeback, diferente dos dois anteriores, conseguiu trazer de volta aquela vibe divertida e até mesmo um pouco bizarra que elas costumavam utilizar há alguns anos, mas mantendo a atual sensualidade que só deu um tchan final pra casar de vez com o conceito retrô que nunca morre. AMO ESSE GRUPO!


Falando mais uma vez dos lançamentos de janeiro, o Wa$$up lacrou completamente minha vida com Stupid Liar, sério! O MV faz completamente o tipo de vídeos que eu gosto, com aquele ar de coisa caseira, sabe? Sem contar que a música é toda sensual e na medida certa, lembrando muito o tipo de música que fazia sucesso nos 90. Não sei como que essa maravilha não fez sucesso, fico muito triste em uma situação dessas. Se quiser ver meus surtos, também falei anteriormente sobre essa música nessa postagem.


Stellar também arrasou no quesito música boa, mas foi meio ignorado pelo conceito sexy excessivo. Se você não gosta de clipes muito sensuais, apenas escute a música e me diga se é boa ou não. As meninas desabafaram sobre toda essa imagem "vulgar" delas em uma entrevista, vale a pena dar uma lida antes de sair julgando-as, pois me parte o coração saber o que elas passaram.


E já que é pra falar de grupos que não fazem tanto sucesso quanto deveriam, vou bater na mesma tecla quantas vezes forem necessárias: 9MUSES SÃO AS INJUSTIÇADAS DO K-POP! Cantam bem, dançam bem, tem música excelentes, fazem vídeos super lindos, são maravilhosas... por que ninguém dá a mínima para elas mesmo? Revejam conceitos, pessoal.


Outras injustiçadas são as meninas do Rainbow. Esse ano, elas atacaram com tudo em um álbum poderosíssimo e cheio de músicas boas, mas que apenas uma meia duzia de pessoas se propôs a ouvir. Por que vocês fazem isso? *chora* Obviamente, o novo hino "Black Swan" e toda sua sensualidade com a pegada de tango não poderia faltar na lista, certo? Quero mais Rainbow nesse conceito. <3


Enquanto isso, as super famosinhas AOA deram uma pausa no conceito sexy e me fizeram ter um ano de paz ao darem as caras com um MV super fofo e coloridinho, sem deixa de lado o espírito que elas sempre mantiveram desde o debut, lá em 2012 com a faixa Elvis. Ainda sou viciada nessa música e você pode conferir minha opinião mais detalhada nessa postagem.


Estava sentindo falta dos solos nessa lista? Vamos falar um pouco então sobre Z.Hera, a minha preferida! Ela é super fofa, divertida, arrasa na dança e tem vocais ótimos, mesmo com a pouca idade. Este ano ela lançou a música "XOX" em parceria com a Kaeun, ex-rapper do grupo Dal Shabet, a faixa é uma retrô carismática, completamente a cara da cantora. 


E é impossível falar de solo sem citar a rainha poderosíssima, dona dos melhores vocais do K-POP, Ailee! A deusa arrasou com "Mind Your Own Business" e mostrou que é digna de todo o reconhecimento que tem ao performar a música mesmo com sua perna machucada. Quero essa mulher no Brasil novamente, como faz? VEM, AILEE!


As meninas do Red Velvet debutaram o ano passado e já mostraram que vieram para ficar, afinal, não é de se esperar menos vindo de um grupo da grandíssima SMent, não acham? Neste ano, as meninas lançaram seu primeiro álbum completo intitulado "The RED", que tem como faixa principal "Dumb Dumb", a música que grudará na sua cabeça por no mínimo duas semanas. Curiosidade interessante: a palavra dumb se repete 219 vezes na música!


E como quem é vivo sempre retorna, as divas supremas do Wonder Girls finalmente apareceram aos palcos, lacrando no conceito discoteca com direito à instrumentos e tudo! Não gostei tanto da música, mas o MV vale a pena e compensa tudo!


Também não sou lá muito fã do 4MINUTE, mas Crazy me fez lembrar a época em que eu costumava acompanhar o grupo. Meio óbvio que foi amor a primeira vista então, né? Conseguiram reconquistar meu coração só por apostarem na vibe mais hip hop de novo, espero que continuem nesse ritmo! 


Mais um grupo pouquíssimo conhecido que esbanja de talento. "Chewy" é super chiclete e muito boa, se você nunca ouviu, saiba que está perdendo tempo. Rezando por um dia onde minhas meninas do D.Holic serão bem reconhecidas. *iludida*


Desde a mudança de gravadora, HELLOVENUS vem atacando num conceito sexy que está sendo só tiro, porrada e bomba para quem gosta dessas meninas. Sem deixar a nova cara de lado, elas botaram pra quebrar em um MV de discoteca retrô, enquanto o boy só babava de longe. Tem coisa melhor do que esses cabelos coloridos maravilhosos? Ainda tô no chão.


E não tem como falar de conceito sexy sem citar a dona de tudo. Gain está mostrando que PODE TUDO em sua carreira solo, "Paradise Lost" foi para lá de artístico, com passos super sensuais que poderiam muito bem fazer parte de alguma apresentação de dança, daquelas que vemos em filmes. ARRASOU!


E outra coisa que não me conformo foi que não ouvi ninguém comentando sobre o comeback da BoA, acordem e vamos aplaudir Kiss My Lips, com a nossa rainha que, infelizmente, está ficando cada vez mais de lado - mas continua rica e poderosa, viu?


Vou confessar que fiquei bem decepcionada com o comeback do Girls' Generation, achei o álbum de Lion Heart super fraco, mas dentre as três músicas que tiveram seus MVs liberados "You Think" foi o que mais se destacou para mim, graças a essa entradinha de leve no conceito sexy, todas badass e dark, adorei. Poréeeem, SNSD com conceito fofo não me desce mais, logo "Party" e "Lion Heart" foram um não


Pra compensar, rolou o solo divo da Taeyeon que finalmente pode mostrar que seu talento vai além das músicas básicas que Girls' Generation vêm liberando nos últimos anos. "I" revelou a face que nossa Tae vem escondendo por todos esses anos, o verdadeiro tipo de música que ela gosta, o tipo de som que ela sempre quis fazer e agora é capaz. Não só a título, mas o álbum todo está uma delícia.


E falando em álbum bom, um dos melhores (se não o melhor) desde ano foi o CHAT SHIRE, da solista IU. Eu nunca fui lá muito fã dela e já confessei isso em uma postagem anterior, assim como já andei dizendo que não tem uma faixa ruim nesse álbum. O MV da faixa principal, Twenty-three, também ficou super lindo e vale muito a pena ser conferido. Tá? Tá!


4Walls não é nem de perto o tipo de música que eu costumo ouvir, mas nem por isso ela é ruim. As meninas arrasaram mais uma vez com seus MVs misteriosos e cheios de cenas artísticas, a pessoa que filma os vídeos do F(x) realmente está de parabéns. Nem preciso dizer que o conceito meio Alice no País das Maravilhas também me deixou de boca aberta, né?


Mas se teve uma cosia que me deixou musicalmente feliz esse ano, foi o comeback do Rania. As meninas estavam sumidas de 2013 e finalmente botaram a cara no Sol para um comeback, não aguentava mais esperar! Valeu a pena os dois anos no aguardo, elas arrasaram total em "Demonstrate" com as novas integrantes: Hyeme, Seulji e Alex. 


É, para o ano ficar perfeito só faltaram as minhas lindas do After School. Saudades. ):

Então, por hoje é isso! Logo mais estarei postando a edição masculina, com meus lançamentos preferidos dentre os dos boygroups. Vejo vocês na próxima postagem!

Veja também

6 comentários

  1. Eita ano bom pro k-pop, não? Fiquei muito empolgada com os trabalhos desse ano que ficaram impecáveis. Até mesmo de grupos que não acompanhava fiquei boquiaberta. Sensacional! Tenho certeza que várias das músicas desse ano vão ser minhas favoritas por muito tempo <3
    De sua lista eu só não curti Stellar porque não consigo engolir as gurias. Li a entrevista e por mais que entenda o ponto de vista delas não consigo gostar dos conceitos que usam. E acrescentaria o trabalho do Brown Eyed Girls que pra mim foi um dos melhores do ano (o álbum nem se fala)! Beijããão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi maravilhoso esse ano! Tem muitos grupos aí que passei a acompanhar este ano, de tão bons que foram seus lançamentos. Espero que o ano que vem continue neste nível de qualidade. <3
      O conceito do Stellar realmente incomoda muita gente, até mesmo ela. É uma pena que tenham que usá-lo. BEG arrasou mesmo, né? O álbum ficou maravilhoso! <3

      Beeeeeijos! :*

      Excluir
  2. Achei legal você incluir D.Holic, conheço pouquíssima gente mesmo dentro do nicho capopeiro que conhece o grupo. Ser de empresa pequena é difícil :/.

    Demais, como você disse, EXID saiu do flop pra entrar de vez nas "Top's", mais ou menos o ocorreu com o AOA ano passado, com Miniskirt(apesar de eu gostar dos EP's anteriores delas). Mudar conceito, mesmo que pra algo mais clichê, tem surtido efeito.

    Assim como você comentou e nós discutimos no post de Flame, concordo que SNSD não está nos seus melhores dias, mas no novo álbum, ainda preferi Lion Heart, mesmo tendo gostado de You Think. Acho Party intragável e o resto do álbum está, no geral, "afarinhado".

    Já Red Velvet, eu preferi mais "Ice Cream Cake" com seu viciante "lalalala" demoíaco, haha.

    Belo Post e obrigado pelas dicas. Bom ano novo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que não cheguei a comentar com você sobre o meu amor por grupos pouco conhecidos, sempre incluo suas músicas em listas como essa ou em postagens no facebook, adoro fazer uma panfletagem básica delas - por mais que não dê muito certo, já que muitos apenas ignoram mesmo.

      Exatamente! EXID seguiu os mesmos passos de AOA, em ambos os grupos gosto muito de suas músicas anteriores, principalmente Every Night e Get Out, respectivamente.
      Outro grupo que conseguiu sair da base do flop com o apoio do conceito mais sensual foi o Girls' Day, que foi uma mudança super radical. Sempre gostei das músicas delas (exceto a de debut, aquilo é horrível), mas prefiro essa cara nova das garotas. Expectation virou hino!

      Check é uma boa música do álbum, assim como já comentei em uma postagem anterior por aqui, ela é muito mais merecedora do MV do que Party - tal que realmente só foi uma musiquinha de verão bem mais ou menos. SNSD deixou a desejar tanto que é melhor deixar apenas o SISTAR nesse conceito mesmo.

      Os "lalala" de Ice Cream Cake são icônicos e amedrontantes, mas ouvi tanto essa música na época de seu lançamento que enjoei. Fico com Dumb Dumb mesmo.

      Bom ano novo para você também, Carlos!
      E obrigada pelos seus comentários!

      Excluir
  3. Só complementando meu post, não sei tais MV's passaram-te despercebida(não acho o caso, pelo conhecimento que aparenta ter em seu blog) ou simplesmente não tenha curtido, mas duas músicas que apreciei muito este ano foram Closer da Oh My Girl e FM, do Crayon Flop Pop.

    https://www.youtube.com/watch?v=tna90t2je-4

    https://www.youtube.com/watch?v=isUudT58Xfk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foram por que não gostei mesmo, haha. Não sou lá muito fã do estilo do Crayon Pop (Crayon Flop Pop, adorei o apelido!), então acabo não me importando muito com os lançamentos delas.
      Oh My Girl eu ouvi e reouvi um milhão de vezes, obrigando-me a gostar dessa música já que todos falaram tão bem desse grupo, mas não desceu de jeito nenhum! Entretanto, aquele refrão de "Cupid" não sai da minha cabeça - e deu vontade de ouvir essa música agora.

      Excluir