KPOP: Os melhores de setembro/2016

by - outubro 01, 2016


Setembro chegou ao fim, mas sua passagem pelo cenário musical da Coreia do Sul deixou conosco algumas boas músicas das quais vale a pena comentar. Nesse post, trago os seis lançamentos que mais me chamaram a atenção e deixar de recomendação aos leitores do blog, seja você fã ou não de K-POP. Que tal?



Como boa Inspirit que sou, começarei com Infinite SIM. Talvez por esse motivo eu tenha me apaixonado tanto pela música (e chorado horrores por SungYeol mal ter tido partes, como de costume), mas mesmo os não-fãs não podem negar que o grupo passa longe de apresentar trabalhos ruins ao grupo.

Mais uma vez Infinite me surpreende com um trabalho visual e coreografia incríveis, a estética e teorias por trás do MV são deliciosas, vale a pena prestar atenção em cada detalhe para desfrutar essa obra por completo.

E se Sungyeol quase não teve partes, ao menos me alegra ver os rappers Dongwoo e Hoya cantando tão belamente, mostrando mais uma vez o enorme talento dos integrantes ao desenvolver com muita habilidade diversas funções dentro do grupo. Uma pitada de favoritismo para encerrar: foi gratificante ver meu bias, Woohyun, recebendo destaque entre os dançarinos principais.
 

As meninas são minhas protegidas sim, ao receber a notícia de que elas estariam trabalhando em um novo MV inspirado em Harry Potter a ansiedade já bateu à porta: duas coisas que eu amo em uma só. Entretanto, ao assistir Mr. Potter pela primeira vez, acabei recebendo algo muito maior do que esperava com referências ao meu conto preferido, Alice no País das Maravilhas. 

Além desses, ainda é possível captar pequenas mensagens de Ouija, Chapeuzinho Vermelho, ET e mesmo uma versão adocicada de Donnie Darko. Os cenários foram adaptados para encaixar com a pureza do grupo, resultando em uma estética incrivelmente prazerosa de assistir - principalmente aos amantes de cinema. 

A música segue citando feitiços da principal obra de JK Rowling enquanto as meninas enfeitiçam "Mr. Potter", o garoto por qual estão apaixonadas. Entre confissões, magia e timidez, as garotas ressuscitam os suspensórios em uma coreografia meiga que acompanha o ritmo da música. 

Enquanto meu amor por esse grupo só cresce, infelizmente as meninas sempre são alvo de críticas desnecessárias, o que não foi diferente desta vez. Por favor, guardem os comentários negativos para vocês. Depois não venham pagar de fãs e fazer textão quando um grupo flop anunciar disband.
 

Após um mês praticamente morto do projeto Station, EXO deu uma ponta de luz e esperança ao projeto. A música é divertida e o MV bem diferente de tudo o que o grupo apresentou até o momento, mas o ponto alto deste lançamento é a presença de Yoo Jae Suk. 

Mesmo quem não acompanha os programas televisivos da Coreia já deve ter visto esse nome em algum lugar. O amado humorista do Infinity Challenge torna-se agora um integrante do EXO, cantando e dançando junto aos meninos com muito estilo e bom humor. Já quero ele como membro oficial, e agora?   

Dancing King está na minha cabeça há duas semanas e pouco me incomodo, a música é tão boa que merece.



Após muita enrolação, Red Velvet marcou seu retorno com o lado Red do qual tanto senti falta. Russian Roulette não me agradou quando ouvi pela primeira vez, mas viciei logo em seguida e seus "lalala" grudam feito chiclete. 

O visual do MV está uma gracinha, as meninas extremamente belas e a música é ótima, mas o que fica mesmo é a história apresentada no clipe. Por trás de tanta fofura, o nome Russian Roulette torna-se presente pelas inúmeras tentativas de assassinato, onde as meninas tentam matar umas as outras das mais diversas maneiras. 


Confesso que demorei uns dois dias para ouvir essa música simplesmente por ter esquecido de seu lançamento, mas assim que criei vergonha na cara me deparei com algo completamente diferente daquilo que esperava. 

O estilo totalmente eletrônico, raps desenvolvidos e a ambientação maluca foram além do meu plano de imaginação e conseguiram me surpreender positivamente. Não é a toa que o grupo está fazendo tanto sucesso internacionalmente, não é mesmo? GOT7 se esforça muito para entregar um trabalho de qualidade ao público, estão apenas colhendo o que plantaram.

Comentário quase-aleatório: Fiquei chocada enquanto ouvia a música sem assistir ao vídeo, pois consegui reconhecer os meninos por suas vozes. Será que sou uma I GOT 7? Hahaha. 



Dal Shabet é mais um grupo da minha lista de "bebês que devo proteger". A música marca o segundo comeback das garotas em 2016 (vale relembrar o hino Someone Like U, lançado em janeiro) e o resultado está incrível. 

Infelizmente, mais uma música boa que acabará sendo desperdiçada pela falta de capacidade do público em conhecer e aceitar o trabalho dos grupos pouco conhecidos. Talentosas, bonitas e guerreiras que continuam na busca pelo lugar aos holofotes, deixo-lhes na missão de conhecer um pouco mais sobre Dal Shabet. 

Veja também:

2 comentários

  1. Bem eu nem vi muito esse mês de K-pop não pois estou concetrada em outras coisas então fiquei ouvindo minhas músicas velhinhas mesmo, porque eu estou com saudades do Suju, e ao mesmo tempo preocupada com quando ele voltar. Como o k-pop ta ficando muito popular, tem uns grupos e até cantores solos imitando muito o ritmo das músicas americanas e assim para mi tem alguns grupos perdendo o ar de K-pop e virando Pop. Ai estou preocupada com como vai ser quando Suju voltar.

    Eu gostei bastante da do GOT7, até vou baixar, Russian rollete foi mais ou menos, quer dizer e legal mas não me viciou.A do Infinite também e legal vou ver com mais calma depois. O melhor ainda é o visual desses clipes, ate as músicas que a gente não gosta a gente ver o video, porque ne, esse povo da coreia não sabe brincar.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fale, que saudades do Super Junior! Não vejo a hora deles voltarem com um novo álbum, amo demais esses meninos! Super Junior não perde a pegada deles, pode ficar tranquila. Eu gosto muito do estilo original do K-POP, mas também estou curtindo essa fase nova, mais americanizada.

      Veja Infinite sim, eu obrigo todas as pessoas ao meu redor a ouvirem e amarem Infinite, esses meninos são talentosos demais e merecem um espacinho no coração de todos.

      Beijos!

      Excluir