TAG: Eu amo K-POP ❤


Ninguém me marcou nessa tag, mas como sou muito entrometida, acabei vendo ela lá no blog da Giu (Sekai Bakawaii), olhei, olhei e falei: por que não? Já não é novidade para ninguém que eu gosto de K-POP, sempre deixei isso muito bem claro em meus posts e vivo falando sobre o assunto por aqui, mas um post com perguntas e respostas é sempre bom, né? Assim vocês podem conhecer um pouquinho mais sobre a minha história com esse gênero musical que me pegou de vez. Simbora!

Regras
• Dar créditos ao Kawaii Corner
• Repassar para no mínimo três blogs
• Não mudar as regras
1. Como você conheceu o K-POP? Faz quanto tempo?
Conheci no final de 2010, por volta de outubro, quando uma amiga me enviou o link para o MV de "Sorry Sorry", do Super Junior. Não sabia o que era K-POP e não haviam usado esse termo comigo, continuei a ouvir achando que eram japoneses, até finalmente descobrir a verdade - e o resto é história.



2. Qual foi a primeira música de k-pop que você viciou?
A primeira música que realmente me pegou de jeito foi Oh!, do Girls' Generation. Fiquei cerca de três meses ouvindo a mesma música incansavelmente, mais de dez vezes por dia. Ninguém aguentava mais, mas eu continuava com o mesmo "oh, oh, oh, oh" no replay o dia inteiro. Em compensação, hoje eu evito chegar perto dela, agora quem não aguenta mais sou eu. Ainda sim, quando penso em "conhecer K-POP", essa é a música que me vem na cabeça - e por isso mereceu a capa desse post.



3. A música mais recente que você viciou?
Dalshabet realizou seu comeback com a música "FRI. SAT. SUN (금토일)" no dia 28 de setembro, desde então eu não consigo parar de ouvi-la. Sou apaixonada pelo grupo desde 2011, quando as conheci, sendo o meu grupo underrated (vulgo "flop") preferido. Recomendo que todos ouçam!



4. Seu ou sua primeiro(a) bias?

Retomando um pouco o primeiro tópico, minha experiência com primeiro bias foi um tanto quanto precoce. Assim que terminei de ouvir Sorry Sorry, mesmo sem saber o que diabos era K-POP, muito menos "bias", saí em uma busca desesperada no Google para tentar descobrir o nome daquele menino que achei tão lindo no vídeo. Resultado: Donghae.

Ele foi meu primeiro bias e ficou comigo por quase dois anos, até então eu mudar, mudar de novo, de novo e mais uma vez, onde enfim sosseguei com o meu atual.

5. Atualmente, sua banda de k-pop predileta.
Infinite. Eu normalmente passo por diversas fases no K-POP: apesar de ter aquele grupo querido, sempre #1 no coração, acabo tendo um completamente avulso que mais me chama a atenção no momento. Felizmente, neste momento coincidiu de ser o meu preferido mesmo. Como estou completamente viciada em seu lançamento recente, The Eye, acabei indo rever alguns programas antigos com o grupo e já sabe no que deu. Se tivessem me perguntado mês passado, a resposta seria EXO.



6. Seu ou sua ultimate bias.

Nam Woohyun, o rei cretino dos corações. Passei por pelo menos três ultimates diferentes antes de encontrar o bias da minha vida, mas agora estou completamente satisfeita e feliz com ele e todas as idiotices que ele faz. Mesmo me deixando com muita vergonha alheia, é impossível negar que o amo. Desde o final de 2013 estou amarrada a essa criatura fofa e, olha, é difícil de soltar. Namu ainda tem um enorme caminho para percorrer comigo.

7. Seu boy-group e girl-group predileto.

Conheci o Infinite em meados de 2012, pouco após o lançamento de The Chaser, quando uma amiga Inspirit insistiu que eu desse uma chance ao grupo. Bendita seja, pois seu plano de me transferir ao fandom deu mais do que certo. No final do ano eu já estava me considerando uma Inspirit e surtando horrores com o debut solo do líder Sunggyu. Até hoje estou firme forte, fã de carteirinha. 


O Girls' Generation foi meu primeiro contato com as meninas do K-POP, um tanto óbvio e já esperado visto o enorme sucesso do grupo. A primeira música que ouvi delas foi Echo, ainda no final de 2010, antes mesmo do vídeo ser revelado. Apesar de ultimamente não estar sendo tão fiel ao grupo, acredito que ainda falta muito para algum outro girlgroup desbancá-las do meu pódio. 

8. O k-group que você mais detesta?
Deixa no ar, vamos evitar tretas desnecessárias.

9. O grupo de k-pop mais recente que você conheceu?
Não exatamente conhecer, pois não sei absolutamente nada sobre o grupo, mas recentemente o PENTAGON debutou e gostei bastante da sua música de estreia, Gorilla. O som tem uma pegada meio SPEED/Block B que curti bastante, apesar de não ser tão chegada nesses grupos citados.



10. A última música de k-pop que você escutou?
Lotto (Louder), do EXO. Aliás, estou ouvindo ela neste exato momento. Viciei demais nessa música, desde à batida à letra dela, Lotto foi um dos meus lançamentos preferidos desse ano. Entretanto, prefiro as versões ao vivo da mesma, uma vez que a versão original contida no álbum/MV consta com vocais muito alterados e computadorizados, prefiro as vozes naturais dos meninos.



Agora vocês já sabem um pouco mais sobre a minha experiência com o K-POP, espero que tenham gostado das minhas respostas. Aliás, qualquer coisa que queiram saber, fiquem a vontade para perguntar nos comentários, hein? :D

Os blogs indicados
Deixo em aberto. Apenas peço que aqueles que postarem me avisem, pois irei adorar ler as suas respostas! ❤

Veja também

6 comentários

  1. Ai que amorzinho, vou fazer no meu blog pessoal. Nossa história de como conhecemos k-pop é muito parecidaaa <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça sim, Bruna! Vou visitar lá para dar uma lida, hein? Quero ver o que temos de parecido e nossas diferenças também, rs. Beijos!

      Excluir
  2. Queria ter conhecido kpop há tanto tempo assim como você, mas ok. Muita gente conheceu kpop com sorry sorry né?
    Mulher, tu acredita que ainda não ouvi the eye? Do infinite eu só conhece "bad" e tenho medo de ir atrás dele e virar fã mesmo. Juro que BTS já acaba comigo demais e eu quase sofri por Monsta X também, mas não vai dar. Eu não vou ter vida se amar tanto outro grupo assim.
    Mas ó, fiquei curiosa sobre qual grupo você odeia. Eu não consigo odiar nenhum porque todos são tão bons, dedicados e etc. Alguns são os fãs imaturos que estragam, mas aí a gente releva.
    De qualquer forma, adorei a tag.

    Beijos,
    Bi.

    – http://www.naogostodeunicornios.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Super Junior, Girls' Generation e Big Bang eram os maiores colonizadores de K-POP na minha época, hoje em dia contamos com BTS e GOT7 para executar esse papel, haha.
      Infinite é o maior xodó da minha vida, sou apaixonada pelo grupo, pelos integrantes, pelas músicas, MVS, tudo. De longe o meu grupo preferido - e de perto também. BTS são uns amores talentosíssimos que só lançam música boa, nesse exato momento estava ouvindo Blood, Sweet & Tears, faixa nova deles. Monsta X eu não curto tanto, rs, mas confesso que eles são lindos e também super talentosos.
      Olha, vou deixar no ar esse grupo, hein? Haha, mas entendo o seu ponto e também sou assim. Por mais que não goste de tal grupo, sempre tento ver o seu lado positivo, talvez tenha bons vocais, bons rappers, boas músicas... mas de algum modo tem alguma coisa que não faz nosso santo bater e isso não é motivo para desmerecer o trabalho dele.
      Fandom tem que relevar mesmo, porque olha... não salva um.

      Fico feliz que tenha gostado da tag, Bianca!
      Beijos e até mais. <3

      Excluir
  3. Oiii :) Que tag maravilhosa, vou fazer no meu blog tb hahaha
    Adorei sua história com kpop, OH! foi a primeira música que ouvi do SNSD e me fez ama-las na hora. Tá de parabéns pelo amor pelo Dal Shabet, adoro as meninas mesmo sendo flopadinhas hasiushasuih elas lanças músicas maravilhosas, galera tá perdendo não dando a devida atenção, pfvr.
    Te disse uma vez no twitter e repito, acho seu blog maravilhoso <3
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana, tudo bem? Faça sim, por favor, quero ler mais respostas que essa tag é incrível!
      SNSD tem músicas incríveis, não é a toa que são consideradas o grupo feminino mais influente do K-POP (e talvez até da Ásia), elas são fodas. Dal Shabet merece muito reconhecimento, morro de dó em ver todo esse talento passar em branco, a música nova delas é incrível e tão poucas pessoas comentaram sobre, é triste.

      Lembro de você lá do Twitter sim, sumida, fale mais vezes comigo por lá. <3
      Obrigada pelo comentário super carinhoso, Mari!
      Beijos <3

      Excluir