7 motivos para assistir Train to Busan (Invasão Zumbi)


Exibido pela primeira vez em 13 de maio durante o festival de Cannes de 2016, o filme sul-coreano Invasão Zumbi (ou Train to Busan, 부산행, como preferir) chegou às grandes telas brasileiras em 29 de dezembro do mesmo ano pela distribuição da Paris Filmes, um grande e inesperado feito, uma vez que é raro o lançamento de filmes coreanos em território tupiniquim.

Hoje, 01 de julho de 2017, o filme chega ao catálogo da Netflix e pode ser conferido diretamente da sua casa, mas se ainda te falta motivos para conferir essa produção, posso tentar te convencer em apenas sete passos.


Que tal apoiar o cinema coreano?
O cinema coreano está em constante expansão. Nos últimos anos, autoridades alegaram que querem exportar mais de sua cultura para o mundo, tais como os filmes, novelas (famosos 'doramas') e o clássico K-POP. A estreia internacional de Train to Busan e todo o seu sucesso recorrente é apenas um dos passos dados pelo país para mostrar "o que é que a Coreia tem".

Desde 2016, quando a Netflix chegou à Coreia do Sul, diversos títulos importados do país estão surgindo mensalmente no catálogo do serviço de streaming mais popular da atualidade, cumprindo com sua promessa de espalhar (ainda mais) a Onda Hallyu pelo mundo. 

Assim, é uma boa oportunidade para deixar de lado o preconceito bobo com tudo o que não venha dos Estados Unidos e prestigiar um filme de qualidade, elogiado por críticos ao redor do mundo e, inclusive, pelo Stephen King.


118 minutos de pura tensão
Em um cenário apocalíptico, a luta pela sobrevivência guia os personagens ao longo de toda a trama, mas nos apegamos tanto a alguns deles que sentimos na pele suas agonias - ainda mais por se tratar de um filme coreano, que faz questão de colocar o drama em evidência para tentar tirar aquela lágrima amiga dos espectadores.

Com uma criança aniversariante, uma grávida e seu marido, um casal de velhinhas, um time de beisebol com jogadores jovens e muitas outras personalidades cativantes, as situações críticas vividas por eles dentro desse trem causarão, no mínimo, uma comoção e aperto no coração. Se você for mais manteiga derretida, como eu, prepara-se até mesmo para um choro.


Tem bem mais do que zumbi nessa história
Os mortos-vivos já estão mais do que saturados no cinema e realmente sobrou pouco a acrescentar no assunto, mas além de se tratar de um título coreano, o que já não é muito visto, críticas à sociedade e seu comportamento são tratadas em segundo plano, com debates sobre egoísmo, altruísmo, coragem e sacrifício.

Caracteriza-se também a diferença das classes e o poder que só o dinheiro possui em uma situação de vida ou morte. Lutar pela sobrevivência própria? Pelo bem do grupo? Ajudar os menos favorecidos ou pensar em salvar apenas a própria pele? No meio de tanta ação, o verdadeiro drama está nas entrelinhas.


Incluindo o amor
Afinal, em uma situação de vida ou morte, as pessoas mostram-se do que são capazes para proteger àquela pessoa que ama, seja ela um filho, amigo, interesse romântico ou casal de longa data. Vai dar pra shippar bastante, mas não se esqueça que os zumbis estão por toda a parte e deixe o seu pacote de lenços bem próximo.


Bônus para quem curte K-POP
Se não deu pra reconhecer, a atriz acima é Ahn Sohee, estrela veterana da indústria musical sul-coreana. Conhecida principalmente por sua carreira junto ao grupo Wonder Girls entre 2007 e 2015, antes de Train to Busan chegou a trabalhar no cinema anteriormente com o filme Hellcats, comédia romântica lançada em 2008. Seu trabalho mais recente é A Single Rider, filme que chegou às telonas da Coreia em fevereiro de 2017.


Efeitos visuais incríveis!
Ação, aliás, muito bem destacadas por mais um trabalho impecável da Digital Idea, estúdio responsável pela criação VFX deste e de mais 350 filmes. Seja nos próprios zumbis, cenários e efeitos adicionais, tudo foi feito nos mínimos detalhes para não interferir negativamente no aproveitamento do longa.


Gong Yoo está cada vez mais lindo!
Se você acompanha televisão ou cinema coreano, já deve ter deparado-se com esse ator em algum lugar, né? Gong Yoo, que interpreta o protagonista Seok Woo, é um dos maiores galãs das telenovelas coreanas. Já atuou em Screen (2003), One Fine Day (2006), Coffee Prince (2007, quando recebeu o maior destaque) e trabalhou recentemente no dorama Goblin, onde interpretou o protagonista Kim Shin, uma espécie de protetor de almas que guia os espíritos à vida eterna. Seu trabalho em Train to Busan foi apenas mais uma demonstração de seu talento incrível.



E se tudo isso ainda foi pouco para você, quem sabe essa foto fofíssima da nossa atriz mirim Kim Soo Ahn no colo do Gong Yoo não seja capaz de derreter o seu coração? Se sim, aproveita para assistir lá na Netflix que já está disponível! 


Nota: Este post é uma re-edição de um texto meu postado em Atmosfera Nerd.

Veja também

4 comentários

  1. EU ASSISTI ESSE FILME E AMEEEEI ♥♥♥♥
    Foi no próprio cinema com direito a um baldão de pipoca e o filme me surpreendeu bastante *¬*
    Pensei muito nisso de apoiar o cinema coreano (assim como também apoiaria o japonês ou de outro país com potencial que não tem o apoio)
    O final ME SURPREENDEU BASTANTEEE, eu saí super emotiva ヽ(;▽;)ノ
    E PELO AMOR DE DEUS, EU AMEEEI ESSA ÚLTIMA FOTO *o* ♥♥♥♥♥ essa guriazinha atua demaaais

    Até ♥ Post novinho no blog, tou falando sobre o intercambio que vou fazer *¬*
    Bjão e parabens pelo post :)
    Blog:ShyandBrave

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse filme é ótimo! Também vi no cinema (sem pipoca mesmo porque a vida as vezes dá dessas) e AMEI, mesmo sendo dublado hahaha fui assistir legendado em casa depois e agora tô louquíssima pra rever pela Netflix, mas a lista de filmes e doramas pra assistir tá tão grande que não sobra tempo. Complicadíssimo isso de ser viciada em assistir as coisas. T - T

      Essa guriazinha é uma linda, gente, desse tamanho e já é dona de um talentão desses, imagina quando ela crescer então! Mas confesso que o Gong Yoo chamou minha atenção o filme todo, ô homão!

      Que legal, intercâmbio!
      Vou lá ver sim! <3


      Beijoooooos!
      E muito obrigada. <3

      Excluir
  2. Infelizmente não consegui assistir essa maravilha no cinema, mas agora que chegou na Netflix tive a oportunidade e olha... Não estava esperando isso tudo. Me surpreendi bastante com a história e derramei muitas lágrimas no fim do filme. Nem sei muito bem o que dizer além de que pretendo conhecer mais esse ator que fez o personagem principal!

    Finalmente entrei pro mundo dos doramas e não vejo a hora de conhecer mais a TV coreana porque parece ser incrível! Tchauzinho :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A TV coreana é incrível, tenho certeza que você vai se apaixonar, Carol! E olha, falar pra você, é difícil sair desse mundinho, viu? Ele te suga cada vez mais, mas é ótimo! Espero que tenha conseguido assistir Train to Busan na Netflix, esse filme é maravilhoso. <3

      Beijos!

      Excluir