Aquele das curiosidades de Friends

by - fevereiro 25, 2018


É difícil imaginar outro nome para essa série que marcou tantas vidas, não é? Entretanto, antes de "Friends" surgir como a decisão final para nomear esta que seria lembrada como a maior série de todos os tempos, foram sugeridos outros nomes como "Across the hall", "Six of one", "Once upon a time in West Village", "Insomnia cafe" e "Friends like us" que, apesar de mais complexos, não conseguem resumir o sentimento da série com tanta precisão e simplicidade como o escolhido, Friends. O Central Perk, inspirado no Manhattan Cafe, de Nova York, também não recebia esse nome: durante os primeiros momentos, foi chamado de Insomnia Café. Dá pra imaginar? A falta de costume não nos permite. E esse é apenas o começo de muitas curiosidades que rondam os bastidores, elenco e personagens da série.

Originalmente, Courteney Cox havia sido escalada para interpretar Rachel, mas acabou optando por Monica por achar a personagem mais forte. O romance da personagem com Chandler, na verdade, surgiu ao longo da série: nas ideias iniciais, Monica deveria acabar a história com Joey, assim como Ross e Rachel não era esperado para acontecer. Chandler seria de fato gay, o que aparece de forma cômica na série, como uma sátira a personalidade do personagem, resquícios de seu enredo original. Kathy Griffin e Jane Lynch chegaram a realizar audições para Phoebe, assim como Jon Favreau e Jon Cryer para Chandler, e é muito estranho imaginar qualquer outro ator na pele de algum dos seis amigos. 


David Schwimmer teve seu papel feito sob medida: sendo o primeiro ator confirmado para a série, teve seu papel, Ross, escrito especialmente para ele. David também chegou a atuar como diretor de 10 episódios da série. Por outro lado, Phoebe e Chandler seriam apenas personagens secundários que não rondariam o círculo principal de amizades que seria formado apenas por Rachel, Ross, Monica e Joey, o que provavelmente nos teria privado das incríveis músicas compostas por Phoebe - cuja atriz, Lisa Kudrew, para grande surpresa do público, odiava tocar violão e não gostava muito do instrumento, fazendo os roteiristas imaginarem outro instrumento para a personagem, o que não deu certo e logo foi deixado de lado. A atriz aprendeu apenas alguns acordes básicos, o que também fazia parte da proposta da personagem, já que Phoebe não domina muito bem a arte da música e essa é a graça de suas composições. 

Ainda sobre Phoebe, a história de ser barriga de aluguel para o irmão surgiu de uma necessidade dos roteiristas e diretores da série de lidarem com a gravidez da atriz, Lisa, sem precisarem apelar para truques. Não esperavam, entretanto, que este fosse se tornar um dos arcos mais emocionais e marcantes de toda a série. Outra gravidez aconteceu no elenco, desta vez com Courteney Cox, durante as gravações da última temporada: a personagem, Monica, entretanto, não podia engravidar,  não tiveram outra escolha se não mudar o figurino da mulher para roupas mais largas e com muitas camadas a fim de disfarçar sua barriga. Antes disso, entretanto, houve uma situação um tanto difícil para a atriz de Monica, que precisou gravar a cena em que Rachel da à luz a Emma logo após sofrer um aborto espontâneo na vida real.


Os episódios eram gravados diante de uma plateia de 300 fãs, e costumavam levar cerca de cinco horas para serem finalizados - por volta de 20 minutos para cada cena. Embora a demora, o público era essencial para os diretores, que viam em suas respostas, as famosas risadas, se as piadas estavam funcionando ou não. Alguns episódios, entretanto, foram gravados sem a presença de fãs para manter o suspense da série, como o "casamento" de Ross e Emily.

Próximo à porta do apertamento de Joey e Chandler havia uma lousa mágica que, a cada episódio, mostrava uma arte diferente, como uma piada ou referência a algo que aconteceu/iria acontecer naquele mesmo capítulo. Também relacionados aos apartamentos, nas primeiras temporadas o apartamento de Monica era o número 5, mas acabou sendo alterado para 20 após alguns anos, pois os diretores achavam sem sentido ela subir tantos lances de escadas para morar em um número que poderia significar um dos primeiros andares do prédio. Assim, o de Joey e Chandler também foi alterado de 4 para 19.


Em Friends, ainda, alguns atores se dão tão bem com seus personagens que a ficção chega a se misturar com a realidade: Matt LeBlanc, antes de começar a atuar como Joey, tinha apenas 11 dólares em sua conta, tão pobre quanto seu personagem. Quando recebeu seu primeiro pagamento como ator, a primeira coisa que fez foi comprar comida. Mais Joey que o LeBlanc, impossível. Já outros atores, como Matthew Perry, encontraram algumas dificuldades em sua vida real mesmo durante a série. Em 1997, o ator de Chandler precisou passar por um programa de reabilitação para se livrar do vício em álcool e drogas, sendo internado novamente em 2001. Em entrevista posterior, afirmou que nunca trabalhou sob o efeito de drogas, mas que estava constantemente em ressaca. A situação se complicou tanto que todos perceberam seu problema e ele acabou buscando ajuda. É possível notar o período na série, quando o ator perde muito peso.

Jennifer Aniston também teve alguns problemas para filmar a série, especificamente a última temporada, mas não envolvia nenhum vício: a atriz já não mais se identificava com a personagem, não sentia que havia mais de Rachel em si, mas concordou em gravar o final da série. Lisa e Perry, entretanto, confessaram posteriormente que, se pudessem voltar no tempo, gostariam que a série não tivesse acabado na décima temporada e que pudessem ter dado continuidade às gravações. Um retorno, entretanto, não é esperado: os diretores afirmam que um reencontro dos personagens para uma nova temporada poderia não agradar aos fãs, que é melhor mantermos a imagem boa que temos da série clássica.


E você sabia que já teve até crossover em Friends? O seriado Mad About You foi lançado entre os anos de 1992 e 1999 e Lisa Kudrew interpretava Ursula Buffay, uma garçonete desastrada. Quando foi escolhida para interpretar Phoebe, em Friends, os diretos de ambas as séries resolveram fazer um crossover, unindo-as em um único universo onde elas seriam gêmeas, o que rendeu algumas genialidades como as atrizes Helen Hunt e Leila Benzle, ambas de Mad About You, realizarem uma participação especial em Friends onde confundem Phoebe com a sua irmã.

De participação especial, tivemos muitas, mas uma que se destaca bastante por sua peculiaridade é a de Bruce Willis: na época, o ator participou do filme Meu Vizinho Mafioso com Matthew Perry, nosso Chandler, e eles fizeram uma aposta sobre a bilheteria do longa: Matthew disse que o filme conseguiria o primeiro lugar no fim de semana de estreia, enquanto Bruce discordava. Matthew estava certo e, por ter ganho a aposta, Bruce fez uma ponta em frente como pai de Elizabeth, uma aluna com quem Ross namorou, mas não levou o cachê para casa: todo o dinheiro foi convertido para uma instituição de caridade. Aposta do bem!


Das participações mais excêntricas, Marcel, o macaco, leva o prêmio. Na verdade, era interpretado por duas fêmea, Katie e Monkey, sendo a primeira já conhecida de Hollywood por seu papel no filme Epidemia, de 1994. Para Friends, entretanto, foi difícil manter os bichos nas gravações e sua participação na série acabou antes do esperado. Uma publicação do jornal The New York Post de 2014 revelou que, até então, ambas continuavam atuando, mesmo já estando na casa dos vinte anos. Katie fez um episódio para a série 30 Rock e as duas costumam aparecer em eventos particulares, como festas e comemorações, além de também filmarem comerciais. Ainda sobre os animais, Lisa tinha muito medo do pato de Joey.

Dos coadjuvantes, a mais marcante pode ser a Janice, ex de Chandler, com sua voz aguda e seu famoso "Oh My God" que segue em repetição até hoje nas mentes e bocas dos fãs de Friends, tendo sua presença garantida em todas as dez temporadas - e mesmo na sexta, quando não aparece fisicamente, sua voz é reproduzida por meio de uma gravação em fita. Entretanto, o personagem secundário que mais apareceu na série foi o Gunther, o barista do Central Perk: o personagem de Michael Tyler sequer teria um nome, mas sua personalidade foi tomando forma ao longo dos anos, garantindo até mesmo um interesse romântico quando se apaixonada por Rachel. Ao todo, ele apareceu em 131 dos 238 episódios, ou seja, em 55% dos episódios.


Embora seja uma das séries mais famosas de todo o mundo, se não a mais, Friends encarou alguns problemas de orçamento durante seus primeiros anos, incluindo um episódio que foi totalmente gravado dentro do apartamento da Monica por falta de verba para imagens externas. Entretanto, as coisas mudaram muito ao longo da série: enquanto na primeira temporada cada um recebia 22 mil dólares por episódio, ao fim da série o salário já marcada 1 milhão por episódio para cada protagonista: "nada de salários desiguais", era um dos pactos dos atores.

A audiência do programa era tão boa que um comercial de 30 segundos durante o intervalo da transmissão dos episódios nos Estados Unidos chegava a custar 800 mil dólares. É muito dinheiro! Não só o público gostava de Friends, como a crítica também, visto que durante a 10ª e última temporada o seriado conseguiu arrecadar sete prêmios Emmy, dois SAG Awards e um Globo de Ouro. Isso tudo, ainda, sem contar o total de 152 nomeações que levaram, da qual 56 títulos foram conquistados e, até hoje, continua sendo aclamada mundialmente.

Quer prova maior do sucesso de Friends?

Veja também:

4 comentários

  1. É incrível como uma série finalizada já há tanto tempo continua sendo assistida e amada por muitos! Realmente não sabia dessas curiosidades, todas me surpreenderam!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Quase-xará HUHAUHA,
      Friends é uma série bem atemporal mesmo, é incrível como quase 15 anos após o lançamento do último episódio, quase 25 desde o primeiro, e continua sendo tão assistida e recomendada por muitos. É sucesso que não tem fim!

      Excluir
  2. Eu já conhecia algumas curiosidades, mas é sempre bom reler algumas. Eu amo Friends e revejo sempre que possível. recentemente vi um trailer onde juntava os personagens, é não é montagem com outros filmes dele, já que se tratam pelos nomes dos personagem. Pelo que vi depois, aparentemente em abril desse ano teremos um filme com uma pequena continuação da série mais amada ever. Estou torcendo muito pra que isso seja real.

    Vidas em Preto e Branco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Lary, esse trailer é lindo, mas é falso sim, assim como a informação do filme. Eles se tratam pelo nome dos personagens, mas é montagem de vários clipes de pequenos comerciais/especiais em que eles trabalharam juntos. Dá uma olhadinha aqui nesse post da MTV que você consegue achar várias cenas do trailer:
      http://www.mtv.com/news/2737464/friends-mini-reunions/

      Excluir