Obras que precisam ser publicadas no Brasil

by - fevereiro 26, 2018


O lado triste de acompanhar escritores e quadrinistas internacionais, independentes e pouco reconhecidos é que raramente suas obras conseguem chegar a outros países, como o Brasil, dificultando o acesso dos leitores ao conteúdo publicado. Pensando nisso, selecionei onze obras que eu gostaria muito que fossem adotadas por alguma editora brasileira, mas que por enquanto eu só sofro no aguardo.


The Pros and Cons of Being A Tall/Short Couple, por Machenzie Moore
Escrito e ilustrado por Mackenzie Moore, criadora da Cinimomo Comics, essa coletânea de quadrinhos mostra com humor os altos e baixos de estar em um relacionamento envolvendo uma pessoa alta e uma baixa (trocadilho intencional). "Um olho pode acabar cutucado, e alguém pode ser acidentalmente lançado no ar, mas no final tudo o que importa é o amor que foi compartilhado, não importa quão pequeno. Ou grande.".



Little Moments of Love, por Catana Chetwynd
Catana Chetwynd começou com doodles em pedaços de papel, mas ganhou fama quando seu namorado compartilhou seus desenhos na internet. Agora, sob o Catana Comics, toca milhões de leitores em todo o mundo com seus quadrinhos de fácil identificação. "Little Moments of Love" é uma coleção desses relatos de momentos simples e preciosos do cotidiano de um relacionamento, a melhor parte de estar com quem você ama.



Mi vida con Mochi, por Gemma Gené 
As histórias de Mochi, um pug gordinho, ganharam popularidade na internet quando sua dona/mãe, Gemma, passou a publicar quadrinhos sobre o bichinho em uma página no Facebook intitulada 157 of Gemma. Agora, pela primeira vez em livro em formato físico que está em pré-ordem, vamos conhecer um pouco mais das peripécias de Mochi, seu grande amor por comer e dormir e como ele se vê mais como um humano do que como um cão. 



Neben der Spur, por Valérie Minelli
Conhecida na internet como Mrs. Frollein, a alemã Valérie está lançando o livro ilustrado Neben der Spur, obra em que a artista retrata alguns episódios autobiográficos da vida cotidiana, estudantil e sobre relacionamentos, tanto domésticos como amorosos, com personagens repletos de medos humanos, falhas e fraquezas, mas também sobre o poder feminino.



Stories for Rainy Days, por Naela Ali
"Foi um dia chuvoso, com um chá quente de darjeeling, cobertor quente, listrado e meias de bolinhas. Um momento perfeito para ler histórias para gatos.". A trilogia Stories For Rainy Days é uma coleção de histórias curtas inspiradas na vida da autora, transmitida de forma pessoal e com aquarelas agradáveis da própria escritora, Naela. 



Our Soppy Love Story, por Philippa Rice
Soppy, o primeiro volume, já foi publicado no Brasil, mas esta segunda parte dos relatos do amor entre Philippa e Luke, seu namorado, ainda não chegou às livrarias do nosso país - ainda que tenha sido lançado no início de 2017 em seu país de origem. Ao contrário do primeiro, que apresenta tirinhas autobiográficas da autora e seu namorado em momentos românticos, suaves e cotidianos, este é em formato de diário, para que o leitor registre o seu próprio relacionamento.


Quiet Girl in a Noisy World: An Introvert’s Story, por Debbie Tung
Aos introvertidos de plantão, Debbie Tung vem com esse livro super pessoal, mas ainda capaz de gerar identificação, , com quadrinhos curtos que mostram e experiência de três de anos uma introvertida no mundo dominado por extrovertidos, mostrando como foi sua passagem da adolescência para a vida adulta e como ela descobriu que há um nome em sua necessidade de estar sozinha.



괜찮아 (Thats OK), por Myung Nanhee
Essa obra coreana, infelizmente, foi publicada em tiragem limitada e não está mais disponível a venda mesmo em seu país de origem, tamanho sucesso. Trata-se de uma série de ilustrações com legendas em coreano e inglês que, de um lado, apresenta um desabafo pessoal, como não ser confiante, se achar acima do peso ou estar decepcionado com a vida e, do outro lado, um abraço que diz que está tudo bem.


French Milk, por Lucy Knisley
Neste livro ilustrado autobiográfico, a autora revela momentos marcantes de sua viagem de seis semanas à Paris com sua mãe, com um olhar emotivo e pessoal sobre a exploração da cidade, o apartamento em que estiveram, as comidas que deliciaram e as peculiaridades que só uma relação mãe-filha pode proporcionar.



TEOTFW, por Charles Forsman
Ainda que já mundialmente reconhecida após o lançamento de sua adaptação televisiva para a Netflix, a HQ que deu origem a The End of the F***ing World não chegou ao Brasil até o momento. Nessa obra, acompanhamos a jornada de descoberta pessoal de James e Alyssa, dois adolescentes problemáticos e imaturos que, juntos, envolvem-se em uma série de tragédias.



Heart of Iron, por Ashley Poston
Da mesma autora de Geekerela, sucesso do ano passado, sua nova obra de ficção científica conta a história de Ana, uma garota que foi encontrada perdida no espaço ainda pequena com seu android D09 que, agora, aos dezessete anos, enfrenta uma missão desesperadora para consertar o seu amigo de infância que tem apresentado problemas de funcionamento, mas sua viagem pelo universo revelará segredos sobre o passado da garota e um novo desafio para o seu presente.

Enquanto essas obras não chegam ao Brasil, algumas delas podem ser compradas pela internet, em inglês ou em espanhol. Se interessou? Então confira aqui a lista de links para adquirir os livros disponíveis.

Veja também:

0 comentários