KARD no Brasil: relembre os sucessos do amado grupo misto de K-POP

by - setembro 21, 2018


Inicia-se hoje a turnê do grupo misto KARD no Brasil! Estes artistas do cenário do k-pop são extremamente populares no exterior, talvez até mais que na Coreia do Sul devido ao estilo de música que produzem, e estarão passando por cinco (!!!) cidades brasileiras para shows e fansigns entre os dias 21 e 30 de setembro. Enquanto curtimos a presença do grupo por aqui, seja diretamente no público presencial ou torcendo por eles de casa, que tal relembrar os maiores hits da carreira do KARD para já entrar no clima?

Oh Na Na


Começar pelo debut é quase obrigatório, ainda mais quando a chegada do grupo no K-POP já foi tão chocante e afrontosa. Eles não são o primeiro grupo misto a surgir na história da música coreana, mas as tentativas anteriores, como o CO-ED School que eu tanto adorava não foram lá bem sucedidas, criando um certo receio em se lançar grupos assim. Além de sua ousadia natural, Oh Na Na foi uma excelente música com uma baita produção, brincando com a sensualidade do grupo e a liberdade que se ter tanto integrantes homens como mulheres poderia proporcionar. A participação especial da Youngji só fecha a estreia com chave de ouro.

Don't Recall


O primeiro comeback do grupo foi um choque total. Misturando cenários simples e em preto e branco a simbolismos regados a cores fortes, a intensidade da música é ampla em qualquer aspecto que se queira avaliar, desde a letra sobre um relacionamento assombroso até as sombras coloridas que perseguem os integrantes ao longo da narrativa visual. É interessante ainda o fato que as vozes femininas e masculinas não estão em uníssono nessa música, mas sim discutindo entre si em uma espécie de teatro musical onde o homem, arrependido, tenta reconquistar a garota, mas ela não quer nem saber dele. 

Hola Hola


Adoramos músicas de verão. São nesses comebacks "veronescos" que conseguimos ver os ídolos em uma maior liberdade expressiva, caminhando livremente por cenários abertos, se divertindo em jogos e transparecendo todo o seu bom humor e carisma para o público. A música tem uma pegada meio lenta, mas o refrão é tão vibrante que torna-se impossível de se manter parado. Perfeita para uma viagem de carro entre amigos. 

Rumor


Já falei que KARD é um grupo naturalmente ousado desde a sua formação, que vai contra os estereótipos esperados para os grupos de K-POP, normalmente formados ou somente por garotos ou somente por garotas, mas eles continuam superando seus limites de criatividade a cada comeback e, para Rumor, apostaram em um MV vertical, em parceria a LG, visando a melhor visualização em dispositivos móveis. Há quem goste, há quem odeie, mas não dá para negar que foi extremamente inovador. 

You In Me


Sensualidade? Gostamos. Em novembro de 2017 KARD apostou nessa música super babadeira que fez os shipps voarem longe e a nação agradecer pelo retorno dos grupos mistos ao cenário do K-POP. Os raps intensos contracenam muito bem com os vocais suaves, mas a agressividade e a tensão criada no vídeo é sentida em todos os integrantes. Tá calor aqui, né?

Ride on the Wind


Era verão na Coreia e o KARD não perdeu a oportunidade de gravar uma música super good vibes e gostosinha. Lembra um pouco Hola Hola, já que ambas foram lançadas em épocas semelhantes, mesmo que em anos diferentes, mas com uma jogada um pouco mais suave, para ouvir em uma tarde de verão mais tranquila, enquanto o vento faz os cabelos dançarem e os quatro integrantes do KARD alegram nossas vidas com essa música delicinha. 

Bônus: Dimelo


A América do Sul ama o KARD, mas o melhor de tudo é que o KARD também ama a América do Sul! Faixa do terceiro mini álbum do grupo, Dimelo não teve MV, mas merecia só por sua incrível peculiaridade de misturar o espanhol ao coreano, em uma pegada latina super gostosa e de refrão chiclete. Novo hino da América unificada.

Bônus: Kinockin' on my heaven's door


A música também não é uma das principais do grupo, mas merece uma posição de destaque por diversos motivos. Cito 3: o vídeo de coreografia muito bem produzido, a qualidade musical, a graça do grupo nesta performance única que mistura uma vibe romântica ao hip-hop e coreografias virais. , mas ainda em um tom de seriedade e sensualidade que cativam. KARD é KARD, né amores?


Ok, agora estamos prontos para os shows do KARD no Brasil. Infelizmente não irei em nenhum, mas se você não quiser perder essa oportunidade, corre lá no site da Highway Star, empresa responsável pela vida do grupo ao país, para maiores informações a respeito de datas e valores de ingressos. Vale a pena conhecer esse grupo de perto e com certeza será uma experiência incrível para os fãs felizardos! 

Veja também:

2 comentários

  1. Rumor foi a primeira música que ouvi deles. AMO!

    - Conheça meu blog:
    http://meubaudeestrelas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Eles são demais, também não vou no show... a primeira que ouvi deles foi a Hola Hola e me apaixonei pelo grupo!

    Apenas eu, Day

    ResponderExcluir