RESENHA: Sonho de Verão - Uma história de amor

by - julho 08, 2014


Oi gente! Como eu disse na postagem anterior, nessa eu iria falar um pouco sobre o meu trabalho de férias. Quem passou foi a minha professora de português, que também é a minha professora preferida. Ela pediu a cada aluno que fosse na biblioteca da escola e pegasse um livro para ler nas férias, não só isso, deveria ser feito uma resenha sobre a leitura. O meu escolhido foi "Sonho de Verão - Uma história de amor", da escritora Mirna Gleich Pinsky e publicado em 2001. O livro é bem fininho, tem apenas 79 páginas, uma leitura rápida e gostosa. Confesso que escolhi um livro curto porque pretendia ler outros durante as férias também. 

Sinopse: Verão inesquecível
Um passeio tumultuado, uma amiga tão divertida e especial e um garoto moreno que deixa os dias definitivamente encantados. Para o resto da vida, Lorena vai carregar a lembrança daquele ano.
Com humor e muita emoção, a narradora convida o leitor a revisitar os pequenos-grandes momentos que construíram essa história de amor, desde o primeiro encontro quando Lorena bateu os olhos em Gilberto e disse para si mesma: é ELE!

Ele é narrado em primeira pessoa pela personagem principal Lorena, que conta sobre uma história de amor que começou quando ela tinha treze anos. Ela conta também algumas coisas de atualmente, quando se reencontrou com alguém que conhecia em sua adolescência, mas não é algo que ocupe muitas linhas. 

Personagens principais
Lorena: É apaixonada por doces e adora dançar, faz balé por inspiração da mãe, que acha que isso vai faze-la perder a timidez. Tem uma "síndrome de sábado", que não quer fazer nada a não ser ler ou dormir nesses dias, perdendo então as festinhas. Se apaixona por Gilberto aos treze anos, e como ela mesma diz: "Dá pra ser objetiva quando entra essa coisa emaranhada, confusa, dengosa e aflitiva que é o amor?"
Paula: A melhor amiga de Lorena. Elas fazem balé juntas e tem os mesmos gostos e opiniões. Paula é a namorada de Claudio e o conheceu em um pequeno mal entedido, quando havia surrupiado o número de telefone do professor de geografia pelo qual tinha uma queda, e ligação parou na academia de judô.
Gilberto: Alto (exatamente 190 centímetros), tem pele bronzeada e é dono de belos olhos negros e aveludados. Ele toca piano, compõe, joga tênis, xadrez e é muito bom em matemática. É o amor de Lorena, ou como ele a chama, "Loira".
Luiz Alberto: Sobrinho da professora de inglês de Lorena, a ajuda com xadrez em troca de um livro emprestado, mas acaba criando um interesse por ela.
Claudio: Alto, inteligente e bom jogador de basquete. É o namorado de Paula e um grande amigo de Gilberto.

Opinião
Foi um ótimo livro, de leitura rápida e gostosa. Não é uma história cansativa, que tem que ser engolida a força usando um copinho d'agua pra ajudar a descer, apesar de ser bem clichê foi passada de um jeito descontraído, colocando em algumas partes memórias mais recentes de reencontros com seus amigos da época que tinha treze anos. Um bom passatempo que gerou algumas gargalhadas.
Meu capitulo preferido é o quinto, "Pretextos". Onde Lorena se mostra agoniada à esperança de um telefonema que não chega - obviamente era um telefonema de Gilberto, ela havia ligado para ele para pedir ajuda com matemática, mas ele não estava em casa e deixou um recado, sendo avisada que ele iria retornar a ligação - por um final de semana inteiro.
As ilustrações são bem fofas, a cada capitulo que se inicia, uma página é dedicada a desenhos relacionados ao fragmento de história que está por vir, são dez ilustrações bem simples e descoloridas. Minha preferida é a do capitulo 10, que mostra Lorena e Gilberto atrás das cortinas do teatro.

Veja também:

1 comentários