Rilakkuma e Kaoru: o cotidiano e sua simplicidade encantam em stop-motion

by - maio 11, 2019


Rilakkuma e Kaoru, criado pela San-X e lançado mundialmente pela Netflix em 19 de abril de 2019, é uma fofíssima série animada em stop motion com os personagens de Aki Kondo que tem sido um grande sucesso no Japão desde sua primeira aparição, em 2003. Nesta nova produção, o querido urso Rilakkuma se junta a humana Kaoru e outros amigos para aventuras divertidas e repletas de preguiça.

A obra do gênero slice of life narra com muita sutileza como é o cotidiano de seus personagens, sem grandes reviravoltas, mas muito tocante e com uma incrível força de restabelecer energias consumidas após um dia ruim, transmitindo boas vibrações com sua mensagem positivista sobre como devemos lidar com a vida.


A personagem de Kaoru faz a ponte entre a obra ficcional com a vida real, apresentando-se em um ambiente de trabalho tóxico, como muitos espectadores podem ter experienciado. Inicialmente sem grandes ambições, aprende sobre si mesma enquanto passa a lidar com os problemas sob um novo ponto de vista, oferecido a ela pela companhia dos ursos.

Rilakkuma, o urso marrom, e Korilakkuma, o urso branco, passam a morar em sua casa e, mesmo sem convite, mudam a vida da mulher para melhor com sua simplicidade. Para estes seres fofinhos, a felicidade está apenas a uma sonequinha ou a um dango de distância, e um abraço pode curar tudo. O time fica completo com Kiiroitori, o estressado, obsessivo por limpeza e cômico passarinho de estimação de Kaoru.


Com grande sensibilidade, aborda questões relevantes a sociedade moderna como o consumismo, o vício por trabalho e a importância que a amizade tem em nossas vidas, representado nas relações entre os personagens e como, inconscientemente, Kaoru as vezes despreza seus colegas animais por estar muito presa aos conceitos humanos de status social ou profissional.

Um outro personagem humano junta-se a trama principal: trata-se de Tokio, um vizinho muito jovem que se aproxima dos ursos e de Kaoru para não passar seus dias sozinhos, enquanto sua mãe trabalha até tarde. Em sua narrativa percebe-se a dupla jornada de trabalho da mulher e como ela não é a única afetada, demonstrando o ponto de vista de um filho solitário.


O anime conta com as vozes de Mikako Tabe (From Me to You), Soki Matsumoto e Takayuki Yamada (Crwos Zero) na dublagem original japonesa, mas também está disponível em outros idiomas como inglês e português, abrindo o leque para novos públicos

Além da série, o Rilakkuma aparece em diversos outros produtos como itens de papelaria, animais de pelúcia, livos e jogos. A Netflix proporciona a primeira animação oficial do personagem e, com toda a certeza, vale a pena conferir esse show de sensibilidade.

Veja também:

1 comentários

  1. You are VERY funny with your article! It is the Portuguese time and time again, not only in Portugal, but also in Canada and the USA that are the most shut-in, self absorbed European culture on the planet!

    You don't have to go far to see this at all, you visit Spain and you have English, German, and French as languages to describe products to potential foreign buyers at your stores but guess what? NO Spanish! You try to talk to the store clerk in Portugal and he sort of speaks a little bit of the above mentioned languages but guess what? NO Spanish! You go to youtube channels and you see a sea of Portuguese spewing anti-Spanish hate comments on Spanish websites...so it is more than obvious to me, and everybody else on the planet, that the Portuguese are an insular, shut-in xenophobic culture that pretty much hates all that is not Portuguese. The evidence is in front of your own noses and in your own country so maybe you should rethink your silly article. If you perhaps opened up a little more and be friendlier with your Spanish neighbor rather than being a bunch of hater xenophobes, good things would happen. But you don't so what do you expect? Us regular folks to read your silly article and say, " Yeah, yeah...sounds good!" Well, NO!! Go spread your anti-Spanish xenophobic lies to the ignorant Portuguese masses that always have a propensity via a multi-generational hate platform to be anti-Spanish haters (this is taught to all Portuguese children from a young age throughout the generations). Again, maybe if you Stopped doing this, Spain and other European countries would be more willing to visit there, buy your goods and be kinder to you, but you keep on the hate program you so proudly cherish and past down from generation to generation.

    Luso? A made up word to Hide the fact your culture is a mix of Arabs and gypsies. Not much to be Proud of here!
    Sao os fatos amigo e os fatos seu muitos dolorosos pa os portuguesitos. Te vejo na sopas dos pobres a noite como tudas as noites ja que 50% de Portugueses sao presentes em os sopas dos pobres! Muita, muita pobresa em Portugal, Muita! E isso nada?? Que orgulho do ser um Portugues! Muitos orgulho!


    FOR REAL GLOBAL INFORMATION AND WHAT IS REALLY HAPPENING IN PORTUGAL VISIT:
    https://expoautosportugal.neocities.org/

    * I GIVE YOU PERMISSION TO HAVE MY WEBPAGE AS A LINK IN YOUR WEBSITE

    ResponderExcluir