Ela Disse, Ele Disse: uma narrativa bem-humorada da juventude brasileira

by - 04 janeiro


Na adolescência, muitas vezes buscamos referências em materiais estrangeiros que não condizem com a nossa realidade. Nossas escolas sem armários, sem clubes de musicais ou aulas de teatro onde iríamos encontrar o primeiro amor, mas a autora Thalita Rebouças consegue trazer o melhor das narrativas colegiais para representar a juventude brasileira.

Ela disse, Ele disse foi originalmente publicado em 2010, pela Editora Rocco, mas voltou a chamar atenção do público em 2018 com o lançamento de uma adaptação cinematográfica protagonizada  por Duda Matte, Marcus Bessa e antagonizada pela atriz e apresentadora Maísa Silva, uma das maiores ídolas do mercado juvenil nacional e grande inspiração para nossas crianças e adolescentes.


Alternando as narrativas cruzadas de Rosa e Léo, conta-se a história de dois alunos novatos em um colégio carioca. Sentindo-se como peixes fora d'água, a dupla tinha tudo para se unir desde o primeiro segundo, mas uma série de desentendidos os distanciam — e levará um bom tempo para que entendam o que sentem um pelo outro.

Com protagonistas no auge dos 14 anos de idade, o livro traz assuntos pertinentes ao universo da faixa etária, ao abordar com muito bom-humor e leveza temas como amizade, bullying, respeito, família, escola e primeiro amor, mas nada de romantizações: tudo tem os seus prós e contras, mostrando as angústias que só conhece quem já foi adolescente um dia.



Para quem já passou dessa fase, Ela Disse, Ele Disse pode até parecer uma história bobinha sobre os dramas de quem só está começando a viver, mas é na verdade um grande convite para revisitarmos a juventude e repensarmos, sob um novo ponto de vista, sobre tudo o que vivemos naquela época quando tudo era mais fácil e não sabíamos.

É difícil não se identificar com Rosa e sua timidez, mas as garotas mais extrovertidas podem se ver na graça de Júlia, que as vezes sai dos limites — e aprende muito com seus erros. Léo, com seu jeitinho romântico, seria facilmente o crush de qualquer garota nessa idade, e é apaixonante acompanhar o desenvolvimento do romance entre os personagens principais.


Em resumo, Ela Disse, Ele Disse é um livro que consegue não só divertir, mas trazer boas lições e até mesmo um sentimento de nostalgia, dependendo da idade de seu leitor. Com personagens cativantes, uma história bem desenvolvida e toda a brasilidade da qual precisamos na literatura, torna-se uma leitura essencialmente bela.

E muito da graça da obra se deve ao talento de Thalita Rebouças em representar a juventude brasileira: autora de livros como "Fala Sério, Mãe", e "Confissões de uma garota linda, popular e (secretamente) infeliz", não é de hoje que apreciamos suas obras e o quão necessárias elas são para aproximar os jovens leitores da nossa realidade. Vale muito a pena conhecer seus livros. 


Clique no link acima para comprar o livro na Amazon.

Veja também:

0 comentários