Sejamos mais Dongbaek: 5 lições de vida em Para Sempre Camélia

by - 09 dezembro


Para Sempre Camélia (When the Camellia Blooms) nos apresentou a Dongbaek, a mais nova e incrível personagem de Gong Hyojin, com inúmeras lições de vida para os espectadores. Mãe solteira, trabalhadora e dona do coração mais puro, essa mulher é um show de #girlpower em plena dramaturgia coreana.

Antes de relembrarmos alguns dos principais ensinamentos dessa poderosa mulher, mãe, filha e namorada, atenção: pode conter spoilers do drama!  


1. Seja forte
Dongbaek é forte. Ela encara seus problemas de frente, rebatendo ofensas com palavras amargas, retribuindo o péssimo tratamento que recebe e afirmando que sou sorriso não pode ser comprado. Vê-la entrar em ação contra os preconceitos que sofre é impressionante, mas essa não é sua única demonstração de força.

Ela criou seu filho sozinha. Ela cuida de um bar e ainda está sempre disposta a cuidar de outras pessoas, como Hyangmi. Ela quase foi morta, mas continua levando sua vida com atitude, recusando-se a se render ao medo e à reclusão, por mais tentador que sejam, pois ela é forte. 


2. Permita-se à vulnerabilidade
Chorar e pedir ajuda não são sinônimos de fraqueza, mas de força. A vulnerabilidade é humana, e nos permitirmos a desabafar nos momentos de maior fragilidade é uma das maiores demonstrações de coragem que podemos dar.

São muitas as cenas em que Dongbaek fala grosso e responde às constantes ofensas que recebe, mas nem por isso deixam de existir aqueles momentos, entre quatro paredes ou aos braços de alguém confiável, em que chora e se queixa. E isso não a faz mais fraca, só a torna mais humana — e um exemplo a ser seguido.


3. Ame sem limites
O amor é uma dádiva, e precisamos aprender a colocá-lo em prática diária, a demonstrá-lo com orgulho e a aceitá-lo. Trata-se de amor romântico, sim, mas também de um filho, de uma mãe, de um amigo. Há diversas formas de amor, e devemos abraça-las e agradecer por elas. Inclusive o amor próprio.

Há diversos obstáculos no caminho do amor, tanto externos (como pessoas contra) quanto internos (como a insegurança), e devemos aprender a nos impor contra tais empecilhos.


4. Releve a opinião alheia
Dongbaek, do começo ao fim, sofre preconceito. Por ser mãe. Por ser solteira. Por ser jovem. Por ser bonita. Por ser chorona. Por ser desbocada. Por namorar. Por não namorar. Por não cuidar do seu filho. Por cuidar até demais. Sempre há alguém para apontar os defeitos, assim como nos dramas como na vida real, e precisamos aprender a relevar esse tipo de comentários. 

Como a própria personagem afirma na reta final do drama, precisamos viver de acordo com nossos próprios padrões. Precisamos alcançar nossas metas pessoais, não aqueles que são impostas por nós pela sociedade. Só quando aprendermos a nos amar é que seremos felizes. 


5. Saiba perdoar
Dongbaek não foi plenamente feliz enquanto carregava pesos em seu coração. O perdão foi uma bênção muito bem-vinda em sua vida, trazendo consigo grandes felicidades como recompensa por sua força e coragem. 

O maior exemplo dentro do drama é a forma carinhosa com a qual recebeu sua mãe, mesmo após ter sido abandonada quandro criança. Abrir um espaço em seu coração para poder sentir o que é ter uma mãe e o que é ser uma filha lhe trouxe alegria sincera, e não há nada mais lindo que isso. 

Sejamos mais Dongbaek.

Veja também:

1 comentários

  1. Eu amei demais esse dorama!!!! E a Dongbaek é real um modelo para se seguir, ela passou por tanta coisa mas isso nunca derrubou ela!

    ResponderExcluir