Jimin (BTS) é diagnosticado com COVID, apendicite e passa por cirurgia

31 janeiro

Jimin (BTS) é diagnosticado com COVID, apendicite e passa por cirurgia

A Big Hit Music revelou uma nota neste dia 31 de janeiro informando sobre o quadro de saúde de Jimin, integrante do BTS: segundo a agência, o artista sentiu dores abdominais e de garganta no dia 30 de janeiro e, na emergência de um hospital próximo, realizou vários testes e exames, sendo então diagnosticado com apendicite aguda e COVID-19.

Jimin passou por uma cirurgia de apendicite no início da manhã de 31 de janeiro e, em nota, sua agência acalma os fãs: 

"De acordo com a equipe médica, a operação correu bem e Jimin está descansando e se recuperando. Espera-se que ele continue hospitalizado por enquanto devido à combinação de COVID-19 e cirurgia de apendicite. Atualmente, ele está com uma leve dor de garganta, mas está melhorando".

A Big Hit também informou que Jimin não teve contato com nenhum dos outros membros do BTS durante o período em que poderia transmitir o vírus da COVID. O comunicado continua:

"Faremos o nosso melhor para apoiar Jimin para que ele possa recuperar sua saúde o mais rápido possível, pois consideramos a saúde e a segurança de nossos artistas como a principal prioridade. Além disso, cooperaremos fielmente com os pedidos e orientações das autoridades de quarentena". 

Nas redes sociais, fãs sobem a hashtag #GetWellSoonJimin para desejar melhoras ao cantor. 


Leia também:

0 Comentários:

Assista no YouTube