Pai em Dobro: o filme brasileiríssimo da Netlix virou livro

by - 26 janeiro

Pai em Dobro: o filme brasileiríssimo da Netlix virou livro

Thalita Rebouças é uma das maiores (se não a maior) escritoras brasileiras com livros direcionados ao público adolescente. Suas obras Fala Sério, Mãe!, Ela Disse, Ele Disse e Tudo Por Um Pop Star ganharam filmes ao longo dos últimos anos, mas recentemente ela se desafiou a algo completamente diferente: transformar um filme em livro. Assim nasceu Pai em Dobro

Lançado na Netflix em 15 de janeiro de 2021, o filme nacional estrelado por Maisa Silva e dirigido por Chris D'Amato foi o primeiro roteiro original de Thalita Rebouças, uma honra que veio a pedido da própria plataforma de streaming, interessada em explorar um lado inédito da escritora, conforme Rebouças revela nas páginas iniciais de seu novo livro.

O curioso é que a versão literária de Pai em Dobro foi lançada antes do filme, chegando às livrarias e plataformas de e-reading em 20 de novembro de 2020. A publicação é assinada pela Rocco Jovens Leitores, selo da Editora Rocco que também é a casa de diversos outros livros de Thalita Rebouças. O Elfo Livre teve a honra de conferir a obra graças a parceria com a editora.


Segundo a sinopse oficial, a obra conta a história de Vincenza, "uma menina doce e superespiritualizada que cresceu em uma vila ecológica longe de sinal de celular e de toda a poluição da cidade. Tudo parece ser uma maravilha, mas ela sabe que um pedaço dela está faltando. O mistério que sua mãe mantém sobre seu pai é algo que Vicenza não consegue deixar para lá, e todo ano no dia do seu aniversário ela faz o mesmo pedido: saber quem ele é." 

Cansada de ouvir um "não" como resposta, a garota decide iniciar suas investigações e descobre dois caras super legais com quem sua mãe se relacionou há 18 anos e, enquanto se aproxima deles, busca colocar um fim ao seu mistério. Tá aí o roteiro de sucesso para um super clichê adolescente, mas Pai em Dobro é muito mais do que isso e não se deixa cair pelas mesmices, ainda que seu final possa ser previsível.

Para começar, a obra é super Thalita Rebouças: atual, divertida, com uma protagonista feminina carismática e um texto que conversa com o jovem leitor — ainda que o excesso de gírias possa causar alguma estranheza em públicos mais velhos ou pouco habituados com esse tipo de literatura extremamente contemporânea e mais informal. Mas é justamente esse o diferencial positivo do livro: uma linguagem completamente inovadora mesmo se comparada a outros Young Adults do mercado, acessível e cheia de brasileirismos que honram a riqueza do nosso vocabulário. 

Pai em Dobro: o filme brasileiríssimo da Netlix virou livro

Além da linguagem, a brasilidade está presente nas paisagens cariocas, na gastronomia típica brasileira, nos polêmicos chás e sucos verdes e, principalmente, na cultura do carnaval. O carnaval de rua renasce em Pai em Dobro, explorando seu potencial contemporâneo, com adaptações eletrônicas para novos públicos, mas sem deixar de lado a sua essência e verdadeiro significado: a diversão.

Seja no livro ou no filme, Pai em Dobro dá um show de honra à cultura brasileira, de autoastral, dos plurais significados de família e de como a felicidade está nas pequenas coisas. Uma obra singela que promete surpreender e conquistar os espectadores mais diversos com seu jeitinho brasileiro que é puro amor — e que vale a pena ser lido e assistido. Os dois. 

Considere comprar o livro no link acima para ajudar o Elfo Livre.

Veja também:

0 comentários